segunda-feira, 4 de maio de 2009

O início, o meio, o fim


Vivemos a semana mais interessante do futebol nacional. A semana que parece perdida por começar com o ápice dos estaduais e terminar com uma desinteressante primeira rodada do Brasileiro. Chuto agora uma bola lindamente levantada pelo amigo André Rocha em seu blog semanas atrás: na bagunçada organização dos clubes brasileiros, o que é menos importante torna-se mais importante do que o que é mais importante. Soa confuso? Tente entender as justificativas dos dirigentes.

No dia primeiro de janeiro, pergunte a torcedores dos vinte clubes da Série A o que eles preferem: o título estadual ou a vaga na Libertadores? A maioria dará preferência ao torneio continental. Mesma coisa com os da Segundona: quase todos sonham com o acesso e desdenham do regional.

Mas eis que vêm os tropeços ante os pequenos, os duelos contra desconhecidos na Copa do Brasil e os torneios antes prioritários são menosprezados, já que o que vale é o bom momento no Estadual, onde a chance do título é latente. Ao priorizar o antes de menor prioridade, os clubes se confundem, tropeçam e dão adeus aos dois ao mesmo tempo. São os casos, por exemplo, de Santos e Botafogo.

E os que vencem seguem firme para o restante do ano, certo? Bem, nem sempre. Pergunte aos flamenguistas quantos deles abririam mão do Carioca de 2008 em nome da classificação na Libertadores.

E é bom lembrar que a última vez que o campeão estadual foi também nacional foi com o supercampeão Cruzeiro de 2003. E quando se vai mal, a desculpa é que o planejamento não foi adequado, porque o Estadual não serve de parâmetro.

Uma verdadeira bola de neve.

Cujo fim nos remete ao início (ou seria o meio?) da nossa idéia: enquanto para alguns clubes o ano já acabou, para outros está no meio e outros está apenas começando - ou a torcida do Galo quer lembrar do Mineiro'09?

E a impressão que se tem é que, no final das contas, o campeonato que valeu mais no ano é aquele que não vale mais nada, que já passou, que serve apenas de balão de ensaio para o restante da temporada. Cuja abolição muitos - inclusive este que vos bloga - pedem.

3 comentários:

Rodrigo Gutuzo - Pitacos da Bola disse...

Como disse Celso Roth, ao cair do Grêmio: "Estadual não vale nada, mas perde para você ver o que acontece!".

Talvez por isso o São Paulo nade de braçadas ultimamente no Brasileiro. Foco. Prioridade. (apesar de que o próprio tricolor perdeu isso na relação estadual/libertadores).

Mauricio, sobre a parceria, a principio seria de divulgação, mas com a possibilidade de utilizarmos textos também.

o que acha?

Já está nos favoritos do Pitacos da Bola.

abraço

Lucas disse...

Olá. Meu nome é Lucas, sou da agência LiveAD.

Gostaria de entrar em contato com o dono do site para sugerir um conteúdo para o blog, relacionado ao tema (futebol).

Se possível, por gentileza, enviar informações de contato (email) para:

delgado.lu.m@live.com

Espero retorno.

Abraços.

=)

Rogerio disse...

UM GRANDE ABRAÇO MAURICIO E PARABENS PELO SEU TRABALHO NA RADIO, SE DEUS QUISER NOSSO TIGRE VAI SER O CAMPEÃO ESTE ANO. QUERIA CONVIDAR VC PRA CONHECER NOSSA SEDE.

ABRAÇOS

MALUCOS DO TIGRE.